América Latina na Rota dos  Grandes Fundos de Venture Capital

Um tópico quente no cenário global de investimentos alternativos continua sendo  o Venture Capital.  De acordo com a KPMG Interprise,  no segundo trimestre de 2018,  houve um  investimento global da ordem de  U$69 bilhões no mundo nesse seguimento.   Mas, como está a América Latina e o Brasil nesse contexto?

O investimento internacional na América Latina vem crescendo desde 2013. De acordo com a Latin America Venture Capital Association (LAVCA), esse número saltou de 36 para  80  em 2017.   Nomes importantes do Vale do Silício como : Andreessen HorowitzAccel PartnersFounders FundSequoia Capital, e Y Combinator estão investindo pesado no  América Latina.

Nesse fronte, Brasil e México lideram a atração de investidores . O Brasil, em 2017, recebeu a maior parte dos investimentos cerca de 45.4% (U$ 859 milhões e 113 transações) um aumento de  208% se comparado com o ano anterior.

Baixe o Infográfico: 5 motivos – Por Que Investir na Bolsa Agora É Um Bom Negócio

A  América Latina vive um período de condições propicias para o desenvolvimento de novas startups tais como:

  1. Crescimento de smartphones e internet superam o norte americano;
  2.  O PIB da região, em conjunto, é de U$ 9.5T maior que o da Índia e próximo do chinês;
  3. Mercado concentrado o que abre espaço para inovação;

Parte desse interesse pela  América Latina se justifica pela movimentação de capital saindo dos mercados tradicionais e  em certa medida saturados para os mercados periféricos com  potencial e grande mercado consumidor.

No caso  latino,  companhias listadas de base tecnológica como  Mercadolibre, Despagar, Globant e B2W, quando analisadas em conjunto,  dobram seu Market Capital (U$ 34bi) em 2017. Também,  é importante notar que startups latinas tais como:  as  brasileiras  NuBank,  99 Taxi e a colombiana Rappi  entraram no seleto grupo dos Unicórnios.

Observa se sinais de evolução nesse mercado  como : o  aumento do número de fundos investindo (em grande parte estrangeiros) nessa região, eventos de liquidez, uma sofisticada base de empreenderes, mão de obra qualificada e suporte institucional. Dão apoio a essa onda de investimento.

Assim, a América Latina está vivendo um período único e com  grandes oportunidades. Os grandes fundos e empresas internacionais estão de olho e investindo na região. Basta ver os investimentos  que a gigante Americana Amazon está fazendo na região.

Os investidores brasileiros que perderem essa oportunidade, vão abrir mão de fazer parte  de companhias que podem ser líder globais. Por consequência  correm o risco de não maximizarem o  retorno de seus investimentos. Mas, o resultado mais nefasto é a falta de cultura e saber investir em empresas de capital emergente. Este não saber poder custar caro a muitos investidores institucionais e  familly offices .

Baixe o E-book O Guia Completo de Como Ter Sucesso Nas Operações de Day Trade