Clima internacional favorável e otimismo por Jair Bolsonaro pautam as expectativas para o pregão de hoje

A manhã desta quarta-feira (17) se inicia em clima de otimismo, com perspectivas positivas para as operações na Bolsa brasileira. Impulsionada pela expectativa de vitória do candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno, a Ibovespa, que mais uma vez fechou em alta, permanecendo acima dos 85 mil pontos, deve apresentar o mesmo desempenho no pregão de hoje. A ampla vantagem do candidato do PSL sobre o seu concorrente petista, mantém os investidores confiantes de que na próxima gestão os ajustes fiscais serão prioritários e, por isso, segue a grande procura pelos títulos de renda variável.

O Que Esperar Do Mercado Financeiro Com Jair Bolsonaro Na Presidência? – Baixe o Infográfico

A valorização das estatais brasileiras e a queda dólar, que fechou cotado a R$3,72, também foram catalisadores do bom momento vivido pelo mercado. A divisa americana chegou à sua oitava baixa no mês de outubro e começa a testar o patamar de R$3,70, mostrando leve resistência ao alcance de níveis menores no curto prazo. Analistas garantem que a venda de dólares no mercado de derivativos deve atingir a posição mais acentuada desde abril de 2016, chegando a US$22 bilhões e argumentam que o prêmio de risco do câmbio já tem sido trabalhado com expressiva redução.

Cenário internacional

As Bolsas de Nova York dispararam, encerrando as operações desta terça-feira (16) com os índices registrando a maior alta diária desde março, em meio à um clima de recuperação da confiança dos investidores. O S&P500 fechou em alta de 2,15%, o Dow Jones aumentou 2,17% e o Nasdaq composto teve um avanço de 2,89%, com destaque para os ganhos liderados pelo setor de tecnologia (+3,01%), serviços de comunicação (+2,64%) e área da saúde (+2,74%).

Dentre as empresas americanas, a Netflix foi a que mais surpreendeu, fechando em alta de 3,98% e na negociação estendida, saltando para 11,76%, após a divulgação do seu balanço trimestral com um lucro líquido de US$403 milhões. As ações da Adobe também subiram depois de informar ao público a projeção do aumento em 20% das receitas para 2019, fechando em alta de 9,52%.

Leia também:

Estatais disparam, Ibovespa permanece em alta e dólar frente ao cenário doméstico

Estrategista da Levante recomenda compra de Itaú (ITUB4)