Sob o alerta de Pandemia, Ibovespa desaba e sofre 2º circuit breaker da semana

Operando em baixa desde a abertura, o Ibovespa acentuou as perdas após a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificar o coronavírus como uma pandemia.

Diante do fato, uma onda vendedora tomou conta da B3 e o índice geral acionou o segundo circuit breaker da semana ao ultrapassar a queda de 10%.

A medida paralisou as negociações dos ativos por 30 minutos, visando conter o “efeito manada”, causado por oscilações bruscas e atípicas no mercado de ações.

Assim como o índice brasileiro, as Bolsas internacionais estão sendo fortemente afetadas pela propagação do coronavírus e ainda que os países atuem para combater a doença, os impactos financeiros já podem ser observados nas principais economias.

Ás 16h14 (horário de Brasília), o Ibovespa caía 12,16% aos 80.936 pontos, anotando um volume financeiro de R$17,999 bilhões.