Home Fast Markets

Author: Fast Markets (Fast Markets)

Post
Dólar avança a R$4,18 com receios sobre a disseminação do vírus

Dólar avança a R$4,18 com receios sobre a disseminação do vírus

O dólar comercial subiu 0,43% nesta sexta-feira (24), fechando na cotação de R$4,1840 na venda, pressionado pelas preocupações com a disseminação do coronavírus. Com as negociações desta sessão, a divisa americana interrompeu a sequência de dois pregões em queda e anotou ganhos semanais de 0,45%. A confirmação de novos casos de infecção pelo vírus nos...

Post
Petróleo declina mais de 2% com temores sobre a demanda na China

Petróleo declina mais de 2% com temores sobre a demanda na China

Os contratos futuros de petróleo encerraram em queda nesta sexta-feira (24), reagindo às preocupações sobre o possível impacto que o surto do vírus possa causar sobre a demanda chinesa. O petróleo vendido em Nova Iorque no West Texas Intermediate (WTI), com entrega para março, recuou 2,51%, no preço de US$54,17 o barril. Na semana, o...

Post
CSN anuncia captação de até US$1 bilhão com oferta de notes no exterior

CSN anuncia captação de até US$1 bilhão com oferta de notes no exterior

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) anunciou a captação de até US$1 bilhão (R$4,18 bilhões) através da realização de uma oferta de notes nos Estados Unidos. A operação será feita por meio de sua subsidiária CSN Islands XI Corp e a data prevista para liquidação dos títulos será 28 de janeiro, segundo informou o comunicado. Os...

Post
Ibovespa fecha em queda com disseminação do coronavírus nos EUA e na Europa

Ibovespa fecha em queda com disseminação do coronavírus nos EUA e na Europa

O Ibovespa recuou nesta sexta-feira (24), pressionado por um movimento de realização de lucros e pelo aumento das preocupações quanto à propagação do coronavírus. Após o surto constatado na cidade de Wuhan, localizada na província chinesa de Hubei, a doença alcançou diversos países como Japão, Tailândia, Taiwan, Coreia do Sul, Vietnã, Cingapura, Arábia Saudita, Estados...

Post
Dólar avança a R$4,05 refletindo as tensões geopolíticas

Dólar avança a R$4,05 refletindo as tensões geopolíticas

O dólar comercial avançou 0,82% nesta sexta-feira (03), fechando na cotação de R$4,0560 na venda, refletindo o clima de aversão ao risco no exterior.   Frente aos temores sobre uma nova escalada de tensões entre Estados Unidos e Irã, os investidores buscaram refúgio e segurança na divisa americana, que anotou a maior alta em duas...

Post
Petróleo avança mais de 3% com conflito EUA-Irã

Petróleo avança mais de 3% com conflito EUA-Irã

Os contratos futuros de petróleo encerraram em expressiva alta nesta sexta-feira (03), reagindo ao acirramento do conflito entre Estados Unidos e Irã. O petróleo vendido em Nova Iorque no West Texas Intermediate (WTI), com entrega para fevereiro, subiu 3,05%, sendo negociado a US$63,05 o barril. Enquanto o petróleo Brent comercializado na ICE de Londres, para...

Post
Ibovespa recua 0,73% com acirramento dos conflitos no Oriente Médio

Ibovespa recua 0,73% com acirramento dos conflitos no Oriente Médio

O Ibovespa fechou em queda nesta sexta-feira (03), refletindo as turbulências do cenário internacional com acirramento do conflito entre Estados Unidos e Irã. Forças militares norte-americanas atacaram o comboio da Guarda Revolucionária Iraniana, no Iraque, matando o general Qassem Soleimani, considerado um dos líderes mais importantes do país. Também foi morto o comandante paramilitar iraquiano,...

Post
Dólar é negociado a R$4,04 com tensões no Oriente Médio

Dólar é negociado a R$4,04 com tensões no Oriente Médio

O dólar comercial avançava nesta sexta-feira (03), acompanhando o sentimento de aversão ao risco que predominava nos mercados internacionais. Logo na abertura, a divisa americana subiu mais de 1% reagindo ao ataque dos Estados Unidos às forças militares iranianas, presentes no Iraque. O presidente Donald Trump autorizou a investida que matou o general Qassem Soleimani,...

Post
Braskem fecha acordo para remover 17 mil pessoas em Maceió

Braskem fecha acordo para remover 17 mil pessoas em Maceió

A Braskem (BRKM5) assinou um acordo com autoridades estaduais e federais que prevê o aumento para 17 mil o número de pessoas que serão removidas das “áreas de risco” em Maceió/ AL. Os poços de extração de sal-gema da petroquímica se localizam em quatro bairros do município (Pinheiro, Mutange, Bebedouro e Bom Parto) e o...