Ministério da Economia revisa expectativas de crescimento do PIB para 1,6% em 2019

O Ministério da Economia informou nesta quarta-feira (22), que revisou as estimativas para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2019 para 1,6%, ante 2,2%.

Este resultado ainda é maior do que o esperado pelo mercado, que através do relatório Focus, divulgado pelo Banco Central (BC), reduziu as expectativas de crescimento econômico este ano para 1,24%.

De acordo com o secretário-especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, essa previsão foi feita há algumas semanas, próxima ao que o mercado estimava na ocasião. ‘’Sabemos que ela se alterou, com viés de baixa, para 1,24%. Mas, em função da necessidade de termos de preparar várias informações, envolvendo várias instituições, mantivemos essa estimativa para 2019″, explicou Waldery.

E-book: Guia completo e definitivo da Previdência Privada

Diferente do esperado, o governo não anunciou um novo corte de gastos para cumprir a meta fiscal estipulada para este ano, de um déficit primário de até R$ 139 bilhões, pois o órgão decidiu usar parte da reserva de R$ 5,37 bilhões do orçamento para compensar a perda de arrecadação estimada para este ano.

Indo na contramão, foram liberados gastos de R$ 1,587 bilhão para o Ministério da Educação e de R$ 56 milhões para o Ministério do Meio Ambiente.

Leave a Reply

Your email address will not be published.