Os principais destaques políticos e econômicos na reta final de 2019

Quanto mais o recesso parlamentar se aproxima, mais medidas e resoluções podem ser postergadas. Confira a seguir quais são os principais destaques políticos e econômicos nesta reta final de ano.

Ainda assim, o Congresso mantém sua agenda repleta de atividades e encontros que podem representar um menor acúmulo para 2020.

Hoje, o plenário do Senado pode votar PL do Saneamento. Amanhã (10), os senadores se reúnem para discutir dois vetos e 25 projetos de liberação de crédito.

Em paralelo, a Câmara dos Deputados debate os parcelamentos tributários no Brasil e discute a proposta de privatização da Conab.

O pacote anticrime, recentemente aprovado pela Câmara dos Deputados sem o excludente de ilicitude, pode ser votado ainda em 2019

A última super quarta-feira do ano também gera expectativas, com decisões de política monetária no Brasil e Estados Unidos.

No dia seguinte, o Banco Central Europeu (BCE) anuncia sua decisão sobre a política monetária local. Destaque por se tratar da primeira reunião e entrevista coletiva de Christine Lagarde como presidente da instituição.

No âmbito corporativo, a Marfrig (MRFG3) confirmou que realizará uma oferta subsequente de ações (follow on).

Segundo a companhia, essa oferta será primária (serão vendidas 90.090.091 ações) e inclui um lote secundário, para a venda de ações detidas pelo BNDES.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Social possui 33,74% da Marfrig e venderá 209.648.427 ações no lote secundário da operação.

Conforme o fato relevante, o processo de bookbuilding e o roadshow começarão hoje (9) e terminarão no dia 17, quando o preço da ação no âmbito da oferta será fixado.

Por aqui, expectativa, acima de tudo, pelos indicadores de inflação (IGP-DI, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central); nos Estados Unidos, o investidor monitora o CPI e vendas no varejo; a China divulga dados da sua balança comercial e inflação.