Produção industrial, inflação (IPC), vendas no varejo e outros dados econômicos

A Fipe divulga nesta sexta-feira (17) a inflação (IPC) na cidade de São Paulo para a segunda quadrissemana de janeiro.

Nos Estados Unidos, a manhã será recheada de indicadores econômicos relevantes para a economia local, dentre eles os dados de construção de casas novas de dezembro (com estimativa de alta de 1,1% na base mensal).

Ademais, saem a produção industrial (estimativa de queda de 0,2%) e os dados de sentimento do consumidor da Universidade de Michigan de janeiro.

Por falar em produção industrial, o índice chinês avançou 6,9% na comparação anual de dezembro, o que equivale a um crescimento de 6,2% frente a novembro.

O crescimento econômico chinês se manteve firme no trimestre final em meio à atenuação de tensões comerciais com os EUA.

Embora o crescimento econômico da gigante asiática tenha desacelerado na maior parte de 2019, houve uma expansão de 6,1% do Produto Interno Bruto (PIB) no acumulado do ano, segundo informou o Escritório Nacional de Estatísticas chinês.

Apesar do dado positivo, este foi o ritmo de crescimento mais lento em quase três décadas documentada nas China.

Além disso, representa uma desaceleração em relação ao avanço de 6,6% registrado em 2018.

Por fim, as vendas no varejo chinês saltaram 8,0% em dezembro ante ao último mês de 2018.