União espera que bancos públicos lhe paguem R$ 20 bilhões ainda este ano

Segundo uma publicação do jornal Valor Econômico desta quarta-feira (22), os bancos públicos do Brasil devem devolver este ano a União pelo menos R$20 bilhões do total de R$ 86 bilhões que receberam durante o governo de Dilma Rousseff, como uma forma de complementar o capital.

Se o dinheiro retornar, será utilizado para abater a dívida pública. A responsável pela maior parcela do montante é a Caixa Econômica Federal, que espera devolver cerca de um terço dos R$ 40 bilhões recebidos da União por meio de Instrumentos Híbridos de Capital e Dívida (IHCD).

E-book: Guia completo e definitivo da Previdência Privada

A Caixa está trabalhando para pagar metade deste valor, através da venda de ativos, redução do índice de Basileia e emissão de R$ 8 bilhões em letras financeiras.

 Do Banco do Brasil a União espera receber metade dos R$ 8,1 bilhões devidos, mesmo o BC não ter confirmado este valor. O BNDES também não definiu quanto dos R$ 35 bilhões devidos irá devolver, pois a instituição ainda terá que pagar R$ 126 bilhões este ano ao Tesouro em empréstimos.

O Banco do Nordeste e o Banco da Amazônia (Basa) também devem a União, e entregarão alguns recursos.