Vivara apura lucro líquido de R$39,6 milhões no 3º trimestre

Em seu primeiro resultado como companhia de capital aberto, a Vivara (VIVA3) reportou um lucro líquido de R$39,6 milhões no terceiro trimestre, ficando praticamente estável em relação ao mesmo período do ano passado.

A receita líquida avançou 9,2%, para R$240,3 milhões, com destaque para a venda do segmento de joias, que foi o responsável por 52,1% do volume global.

Nas unidades abertas há mais de 12 meses, as vendas aumentaram 8,5%, sendo que, os resultados com o comércio eletrônico registraram um avanço exponencial de 25,5%.

“Vamos encerrar 2019 com mais de 250 pontos de venda em operação” – afirmou o diretor-presidente, Marcio Kaufman.

As despesas gerais e administrativas registraram alta de 12,8%, contudo, o Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) saltou 28,3%, somando R$63,6 milhões.

Em nota, a companhia ressaltou que o plano estratégico para os próximos anos está sendo fielmente cumprido e que servirá como motor para manutenção do crescimento contínuo.