Investir na Bolsa: veja como otimizar o processo de investimento

Investir na Bolsa não é mais um bicho de sete cabeças — tanto que foi um dos tipos de investimento que mais cresceu nos últimos anos.

Hoje, muitas pessoas consideram o investimento em ações uma prática pouco complicada e com uma rentabilidade interessante. Entretanto, o processo de investimento ainda precisa ser melhorado.

Existem algumas maneiras de otimizá-lo, deixando-o mais efetivo para aumentar os lucros e fazer o investidor aproveitar novas oportunidades. Interessou-se pelo assunto? Então, continue a leitura deste artigo e veja como investir melhor!

Ganhe agilidade

A agilidade é um aspecto fundamental para quem deseja investir no mercado de ativos, principalmente para os investidores de curto prazo.

Algumas operações são extremamente rápidas, durando apenas alguns minutos. Então, é preciso conseguir reagir em tempo hábil, aproveitando essas oportunidades e, consequentemente, aumentando as chances de lucratividade.

Tenha praticidade

A praticidade também deve ser levada em consideração por quem deseja investir na Bolsa. Para isso, pode ser interessante procurar plataformas utilizadas por iniciantes e experientes no assunto — afinal, elas certamente terão tudo o que você precisa.

Procurar alternativas que permitam o acesso por smartphones ou tablets também pode ser um diferencial interessante. Até porque essa é a única maneira que o investidor terá para se manter sempre por dentro do que está acontecendo com as suas aplicações.

Utilize a alavancagem

A alavancagem é um termo específico do mundo dos investimentos, que pode ser explicado como uma técnica para maximizar a rentabilidade em uma espécie de endividamento.

Seu funcionamento se dá como um limite de crédito que a corretora disponibiliza para o investidor, permitindo que ele realize movimentações na Bolsa de Valores em um valor superior ao que possui.

Para simplificar o entendimento, imagine que você tem R$ 10.000,00 para investir. Pela alavancagem, seria possível movimentar até 8 vezes este valor — ou seja, R$ 80.000,00. Logo, o resultado do seu investimento seria muito mais satisfatório (se o investimento apresentar 1% de lucro, você receberá R$ 800,00; mas, se for prejuízo, você também terá que arcar com esse mesmo valor).

É válido ressaltar que a alavancagem é mais utilizada em operações de Day Trade (operações que duram minutos ou pouquíssimas horas).Assim, por conta da velocidade dessas operações, não é preciso pagar pelo valor total que está comprando, nem receber todo o valor que está vendendo. O investidor paga e recebe apenas a oscilação existente entre a compra e a venda.

Escolha uma tecnologia adequada

Outra maneira de otimizar o processo de investimento é a escolha de uma tecnologia que esteja adequada às suas movimentações e ao seu perfil de investidor. No caso de investidores acostumados à operação de Day Trade, por exemplo, é fundamental contar com uma plataforma de confiança para a melhor gestão do investimento.

Deve-se buscar opções que apliquem a metodologia e operem com agilidade, otimizando a leitura do fluxo de ordens, tendo várias bolsas disponíveis e que forneçam informações suficientes para que você acompanhe os seus resultados.

Enfim, como vimos, otimizar o processo de investimento e conseguir investir na Bolsa não é tão complicado. Com o fluxo de informações presente hoje na internet e o apoio de pessoas e empresas certas, é possível alcançar o sucesso desejado!

E aí, gostou do nosso artigo? O que achou do tipo de conhecimento que destacamos sobre investir na Bolsa? Ficou com alguma dúvida no assunto? Então, entre em contato com nossos consultores!