Tire 4 dúvidas sobre o mini índice e conheça as suas principais vantagens

O mini índice é um tipo de investimento de renda variável feito a partir de um contrato futuro entre um vendedor e comprador. O valor do contrato é determinado com base nas oscilações de um importante índice do mercado: o índice da Bovespa.

Esse tipo de minicontrato é usado de modo especulativo pelos traders em operações no day trade ou de curto prazo. Em uma operação com mini índice, é feito o pagamento somente de um percentual do preço cheio do contrato. Esse valor é a exigência mínima para atuar nesse segmento.

Quer conhecer saber mais? A seguir, vamos detalhar as 4 principais dúvidas a respeito do mini índice. Essas informações são ótimas orientações para os traders que estão em busca de bons resultados. Continue a leitura!

1. Como o mini índice funciona?

O mini índice reflete a expectativa relativa ao futuro das ações de grandes empresas que atuam no mercado (Ibovespa). Trata-se de um tipo de contrato de Índice Futuro, feito com base nas oscilações desse mercado, por isso também é denominado de derivado.

O Índice Futuro também serve como parâmetro para fazer uma comparação com outros ativos, visto que ele funciona como um benchmark de renda variável no mercado. A partir do desempenho do índice da Bovespa, é possível saber o rendimento das suas ações e adotar uma estratégia em que o retorno seja superior.

A sigla usada para as negociações das pontuações dos contratos de mini índice da Ibovespa é WIN.

Os vencimentos acontecem nos meses pares do ano, sempre na quarta-feira mais próxima do dia 15. O mini índice tem valor equivalente a 20% do preço contrato cheio, sendo que o cálculo dessas projeções é feito a partir da fórmula: dinheiro investido x pontos do índice.

Os contratos de mini índice são acessíveis devido ao seu valor reduzido (é possível começar com R$ 100,00). Mas, por ser um investimento de alto risco, o indicado é adotar uma estratégia de prevenção, a fim de minimizar os perigos e potencializar os ganhos.

2. Como trabalhar com mini índice?

Para ter sucesso com o mini índice, o trader precisa entender bem o funcionamento desse tipo de aplicação, caso contrário as chances de tomar decisões erradas são altas e podem comprometer consideravelmente os retornos obtidos. Também é importante levar os custos operacionais em consideração, uma vez que eles podem comprometer a rentabilidade do investimento.

Existem as taxas cobradas pelas corretoras e a incidência do Imposto de Renda, que corresponde a 15% do total de rendimentos do período.

No geral, traders arrojados se dão melhor com investimentos em mini índice. Por apresentarem alto grau de riscos, eles deixam de oferecer a estabilidade que alguém com o perfil de investidor mais conservador tanto valoriza.

3. Quais são as vantagens de se investir em mini índice?

Entre os principais pontos positivos, estão:

Boa liquidez

A rápida liquidez é um dos principais pontos de minicontratos futuros como os de mini índice. Por isso, é muito fácil entrar e sair de operações com esse tipo de ativo. A rapidez das negociações no day trade evita atrasos em decisões que precisam ser tomadas em um curto período para evitar perdas financeiras.

Diversificação

O mini índice é um tipo de minicontrato que pode apresentar bons rendimentos na composição de uma carteira que vá além de aplicações em ações. Com ele, é possível ter bons rendimentos mesmo diante de cenários econômicos instáveis e/ou negativos. Para quem busca viver de renda, a alta lucratividade pode ser um atrativo significativo nesse investimento.

Possibilidade de alavancagem

A alavancagem é um recurso interessante para otimizar os recursos e potencializar as possibilidades de retornos positivos. Com ela, o trader pode investir um valor maior do que a quantia que ele tem no momento.

É preciso ressaltar, no entanto, que a alavancagem é um recurso que deve ser usado com cautela. Caso as decisões tomadas não sejam as mais corretas, os prejuízos podem ser grandes, e o trader precisará arcar com as consequências, do mesmo modo que, no caso de ganhos, o rendimento também é potencializado.

Flexibilidade para o investidor

As negociações de mini índice podem ser feitas em uma plataforma de negociação online, home broker ou em uma mesa de operação. Essa facilidade oferece flexibilidade para o investidor, que pode realizar os procedimentos até mesmo em casa, com conforto, segurança e rapidez.

A venda do mini índice também pode ser feita da mesma maneira e de acordo com o preço que for melhor definido.

4. Quais são os riscos de se investir em mini índice?

Como todo investimento, o mini índice também apresenta pontos que precisam de atenção especial por parte do trader para garantir que tudo saia de acordo com o esperado e os objetivos de bons retornos sejam alcançados.

Entre os principais riscos envolvidos nesse investimento, estão:

Grande oscilação

Como todos os investimentos de renda variável, o mini índice também pode apresentar elevado grau de oscilação em um curto período de tempo.

Por isso, é importante criar uma estratégia de investimento que considere essa alta volatilidade para saber os melhores momentos de aplicar capital e gerenciar a capacidade de obter bons rendimentos.

Alterações na margem de garantia

Existe o risco de mudanças na margem de garantia desse investimento em um curto prazo. Se o trader não tiver a quantia suficiente para cobrir os novos custos, será preciso sair dos papéis e/ou diminuir as posições.

Ajustes diários

Como a precificação do mini índice acontece na Bolsa de Valores, ela pode sofrer alterações diariamente. Por isso, conforme o valor investido, é possível que em alguns dias se apresentem resultados negativos. Nesse momento, é fundamental organizar uma estratégia de reação pautada em informações consistentes e visão ampla dos cenários do mercado.

Gostou das informações? Neste artigo, abordamos as características de um contrato mini índice e as possibilidades de se obter bons retornos a partir dessa modalidade de investimento. É sempre importante ressalta que, por ser uma aplicação de risco elevado, é indicado que o trader se mantenha informado sobre o mercado financeiro e adote uma estratégia bem fundamentada, com uma gestão de riscos eficiente.

Se quiser saber mais sobre o tema e receber conteúdos exclusivos, assine nossa newsletter e tenha acesso às nossas novidades.